Como fazer uma Viabilidade Financeira?

De acordo com o Sebrae, a maioria das pequenas empresas fecham as portas antes de completarem um ano, 7% por falta de lucro, 20% por falta de capital e 50% dos empresários não sabem se tem lucro ou prejuízo. Isso acontece devido à falta de um estudo prévio de viabilidade, onde o empresário não sabe o capital necessário para começar um negócio e não conhece as finanças da própria empresa.

Analisar a Viabilidade Financeira de um projeto, seja para expansão ou abertura, é importante pois promove a diminuição dos riscos de investir em algo que não trará o retorno esperado. Este estudo procura fornecer ao empresário uma visão real do futuro financeiro do seu negócio, que consiste em avaliar o volume de vendas necessário (a partir de uma projeção) para que todos os custos possam ser quitados e a empresa se torne financeiramente viável e lucrativa.

A Viabilidade Financeira é composta basicamente por quatro etapas, que são:

Levantamento dos Custos

Nesta etapa, são levantados os investimentos iniciais, ou seja, o capital mínimo para iniciar o projeto que é definido a partir do ramo em que o negócio irá se inserir, além das máquinas, equipamentos, funcionários e entre outros recursos necessários para o funcionamento da empresa. Os investimentos futuros, como por exemplo, a necessidade de contratar mais funcionários ou de adquirir mais equipamentos. Os custos fixos, que não dependem do nível de atividade da empresa, ou seja, não se alteram de acordo com a quantidades de produtos ou serviços vendidos como aluguel, manutenção, depreciação, pró-labore, salários de funcionários etc. E os custos variáveis, que estão diretamente ligados ao volume de vendas da empresa como gastos com materiais e matéria-prima.

Projeção de Receitas, Despesas, Custos e Investimentos

A seguir, é feita a precificação dos produtos ou serviços oferecidos que pode ser definida através de uma análise prévia da concorrência. Posteriormente, é feita a projeção das receitas para identificar se a empresa tem capacidade de gerar o retorno do investimento num determinado período que corresponda às expectativas do empresário. Para que a projeção seja a mais realista possível é preciso conhecer bem o mercado de atuação e suas sazonalidades. Além disso, é importante projetar despesas e custos e investimentos visto que são diretamente proporcionais com o crescimento das receitas, assim as chances de surpresas surgirem ao longo do projeto diminuem.

Indicadores Financeiros

Numa Viabilidade Financeira, é importante tomar decisões de forma segura. Para isso, deve-se analisar os seguintes indicadores:

Valor Presente Líquido (VPL) consiste em projetar os fluxos de caixa de um investimento e trazê-lo para o presente descontando uma taxa mínima de atratividade. Se o resultado do VPL for positivo, significa que o projeto é viável e tem capacidade de gerar lucro.

Taxa Mínima de Atratividade (TMA) corresponde ao mínimo que um investidor se propõe a ganhar e é uma das ferramentas mais utilizadas quando se trata de investimento.

Taxa Interna de Retorno (TIR) demonstra qual será a rentabilidade do projeto em questão. Para que um projeto seja viável, é preciso que a TIR seja maior ou igual que a TMA, pois o retorno é maior do que o investidor esperava receber.

OPaybackrepresenta o tempo que o capital investido retornou por completo, ou seja, quando as atividades operacionais supriram todos os investimentos anteriores.

Definição dos Cenários

Após terminar as projeções, é hora de definir os cenários. Se trata de algo que não foi previsto no início uma vez que o mundo muda rápido demais e essas mudanças podem afetar positivamente ou negativamente o estudo de viabilidade. Por essa razão classificamos os cenários em otimista e pessimista.

O objetivo de projetar um cenário otimista é poder visualizar um momento favorável para a empresa, onde há muitas receitas e os custos são os menores possíveis, obtendo um grande lucro. Já o cenário pessimista busca mostrar o oposto, quando há pouca receita mas muitos custos e despesas. Após realizar essas análises é necessário compará-las para chegar a uma conclusão mais próxima possível do real. A partir dessas projeções é possível determinar o payback, ou seja, em quanto tempo o seu investimento terá retornado por completo.

Viabilidade Financeira é um dos nossos serviços, se você se interessou e quer abrir ou expandir seu negócio, clique no botão abaixo!